top of page
  • Foto do escritorRuptura

Newsletter #01

Atualizado: 27 de mar. de 2023

Confira abaixo os principais acontecimentos e matérias destacados pela nossa equipe na última quinzena:



Acordo histórico é firmado no âmbito da ONU para proteção dos OCEANOS

Após quase duas décadas de negociações, foi firmado o Tratado Global dos Oceanos na ONU em 3 de março deste ano. O objetivo é promover a proteção de 30% dos Oceanos até 2030 através do estabelecimento de grandes áreas de proteção, os chamados "santuários de águas internacionais". Saiba mais


Derretimento acelerado da "Geleira do Apocalipse"

O derretimento acelerado da Geleira Thwaites, também chamada "Geleira do Apocalipse", localizada na Antártida, preocupa cientistas já que a geleira libera toneladas de gelo no oceano, sendo responsável por, aproximadamente, 4% aumento anual do nível do mar. Confirma a matéria completa aqui.


Em setembro de 2022 a BBC já havia noticiado que o colapso da "geleira do fim do mundo" poderia ocorrer antes do que o previsto em razão do aumento das temperaturas globais:

Os efeitos das mudanças climáticas já estão sendo sentidos por todo o globo. Segundo o World Economic Forum, o Lago Garda no norte da Itália está registrando os níveis de água mais baixos no inverno em 30 anos. Ainda no norte italiano, os canais de Veneza estão sendo afetados em razão do longo período sem chuvas (CNN; BBC):


Pirarucu paulista

Pirarucu, o maior peixe da Amazônia (que pode pesar até 150 kg), é encontrado nos rios do interior de São Paulo e preocupa especialistas. Segundo a BBC, "o rompimento de tanques de piscicultura de criadouros particulares, às margens do rio Grande, possibilitou que os primeiros peixes da espécie pirarucu tivessem acesso ao rio Grande". A espécie não é nativa da região e passa a ser um novo predador, podendo causar a extinção de espécies locais. Confira a matéria completa aqui.


Deserto de roupas no Atacama: os problemas ambientais causados pelo consumismo e desperdício.

O "depósito" de roupas localizado no deserto do Atacama no Chile é fruto da importação de roupas de segunda mão para revenda no país e na região latino-americana. Todavia, mais da metade das 60 mil toneladas de peças de roupa importadas anualmente acabam em aterros clandestinos.

Confirma o post da página @_bioco aqui e matéria de 2022 da BBC.


Espanha aprova licença menstrual

Segundo World Economic Forum, a Espanha se tornou o primeiro país europeu a aprovar licença menstrual para mulheres que sofrem com dores severas no período sem desconto pelo afastamento. O país ainda ampliou direitos ao abordo (que passa a ser legalizado para meninas de 16 e 17 anos sem autorização dos pais) e diminuiu burocracias para pessoas trans.

Saiba mais aqui.


Estratégias para adaptação às mudanças climáticas segundo 5 comunidades indígenas

A Índia anunciou na COP26, realizada em 2021 na cidade de Glasgow, Escócia, sua meta para em 2070 neutralidade de emissões de carbono (meta pouco ambiciosa, mas muito comemorada). Veja como o conhecimento das comunidades tradicionais das mais variadas regiões do país estão contribuindo para processos de adaptação ao aquecimento global. Confira aqui a matéria completa ou post do instagram.



O roteiro da Califórnia para net-zero pode ser um modelo para outras regiões

Confira quais são os planos do estado da California, nos Estados Unidos, para a adaptação e mitigação as mudanças climáticas. A administração do estado possui um senso de urgência em relação ao aquecimento global e está tomando medidas ambiciosas no sentido de garantir um futuro de baixas emissões no setor energético. Saiba mais aqui.


As seis grandes extinções em massa da história e porque apenas 4% dos mamíferos do planeta são selvagens.

Confira a matéria completa da BBC aqui (ou via Instagram) sobre as cinco extinções em massa no planeta Terra e porque estaríamos vivenciando uma 6a extinção ocasionada pelas atividades humanas no chamado "Antropoceno".


Destacamos também o post do Acorn Land Labs sobre porque atualmente apenas 4% de mamíferos selvagens no planeta: a maioria dos mamíferos atualmente são criados para consumo humano.


Geóloga encontra rocha formada de plástico em ilha no Espírito Santo

O Jornal Nexos noticiou que a doutoranda em geologia na UFPR (Universidade Federal do Paraná) Fernanda Avela encontrou formações rochosas na Ilha de Trindade, no Espírito Santo, que parecem naturais, mas são compostas de materiais sintéticos. Leia a matéria completa aqui ou no Instagram.




27 visualizações0 comentário

Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
bottom of page